Como cultivar e polinizar orquídea baunilha

Pouca gente sabe que a baunilha é uma orquídea. E dá para cultivar a planta em casa, e com as dicas deste vídeo, até mesmo ter sua própria colheita de vagens perfumadas para preparar deliciosas sobremesas. Prepare-se para assistir o vídeo mais delicioso sobre orquídea! Nossa jardineira Carol Costa traz um monte de informações sobre essa planta, desde técnicas de cultivo, como são suas flores, o método para polinização manual e, a forma para produzir vagens 100% orgânicas dessa espécie de orquídea tão querida, seja por fãs de plantas, orquidófilos ou amantes do sabor e do aroma dessa especiaria.

O único gênero de orquídea comestível


Curiosidades sobre a planta: dentre as 35 mil espécies de orquídeas e, mais de 100 mil híbridos, o gênero Vanilla é a única cultivada com o propósito alimentício: sua perfumada e saborosa vagem é cobiçada no mundo todo. Para alcançar esse odor dos deuses, a vagem da baunilha (Vanilla planifolia) precisa passar por um período longo de maturação, que dura entre 9 meses à 1 ano. Apesar da baunilha ser reconhecida pelo aroma, nem a vagem verde, nem as pequenas flores da baunilha, exalam cheiro. Aliás, suas flores são até bem sem graça, principalmente se comparada com espécies de orquídeas ornamentais.

É fácil cultivar baunilha em casa


Cultivar a planta é muito fácil, basta um vaso, com, no mínimo, 40 centímetros de diâmetro, substrato para mudas e, espaço para a orquídea trepar em uma parede ou árvore. Para ter ideia de como a planta gosta de escalar, o exemplar da nossa jardineira piracicabana saiu do chão da sua varanda, subiu pela parede, agarrou-se no teto e, não contente, continuou a jornada pelo andar superior! A baunilheira adora o clima tropical e precisa do sol da manhã para florescer.

Como polinizar a flor da baunilha


As flores da baunilha são pequenas, alongadas e de um tom verde claro. Quando não polinizadas, as florezinhas duram Um único dia na planta. Como não existem insetos no Brasil para esse trabalho, a polinização deve ser feita manualmente. No vídeo, Carol mostra como separar as pétalas da flor e, com um palitinho, expor o pólen. Para finalizar o processo, é só apertar gentilmente essa parte da flor, fazendo com que a parte masculina toque a parte feminina. Pronto, sua baunilha “provavelmente” foi polinizada. Isso porque só dá para saber que tudo correu bem depois de dois dias, se a flor não cair. Se ela continua na planta, a polinização foi um sucesso. Agora, é preciso paciência para aguardar o desenvolvimento da vagem, que dura uma longa “gestação” de 9 meses.

Onde comprar a orquídea baunilha e como reproduzi-la


Para ter um pé de baunilha para chamar de seu, basta comprar uma muda ou, se tiver algum conhecido, pedir uma estaca. É possível encontrar a planta ainda jovem, com um preço bastante acessível, em garden centers ou distribuidores como o CEAGESP (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo) ou CEASA (centrais de abastecimento) da sua cidade. Não encontrou na sua região? Peça para alguma floricultura encomendar! Se quiser ter mais baulhinheira, esqueça a dificílima reprodução por sementes – é muito mais simples reproduzir a planta por estacas ou divisão de touceiras. Detalhe super importante: apesar de ser exímia escaladora, a baunilha é uma orquídea terrestre. O cultivo da planta deve ser feito em substrato comum. Para que a planta cresça, é super importante a adubação: nossa jardineira Carol Costa usa o Bokashi, um composto orgânico bem completo, em aplicações mensais.

Minhas Plantas recomenda