página inicial / vídeos

SOL forte no JARDIM? Estas plantas são PERFEITAS (1m²)

Quanto menor o espaço, maior o desafio. Desta vez, é apenas 1m²! O que cabe? Um jardim feito para ficar no sol, com plantas rústicas lindas e, claro, nossas queridas suculentas! É esse o espaço planejado pela nossa jardineira Carol Costa, no quinto episódio do Sob Medida, a nova série da STIHL Ferramentas e do Jardim das Ideias. Quer compartilhar pelo Whatsapp? Clique aqui.

Como a gente ama suculentas, aqui vai um segredo logo de cara: nossa louca jardineira construiu um cachepô usando um tronco que ela mesmo esculpiu usando a motosserra MSA 120 C-BQ (apelidada de Marieta pela sua dona). O tronco poderia ter sido usado como um banco? Poderia, claro... mas, quer coisa mais linda do que suculentas brotando em um vaso esculpido? Escavando com a motosserra, Carol Costa criou um espaço para acondicionar as plantas de folhas "gordinhas" mais amadas pelos verdinhos.

Como prepar o solo do seu jardim


Agora, vamos ao espaço: um metro de largura por um de comprimento, muita luz solar e um solo compactado. O chão estava tão duro que foi preciso a ajuda do Seu Remi Feilstrecker, o assistente da Carol, para fincar as estacas na terra. O lugar era pequeno, mas com tamanho suficiente para receber um jardim deslumbrante, cheio de plantas de sol valentes e rústicas. Com os equipamentos certos, até nossa baixinha jardineira deu conta do recado sem problema algum. Primeiro, ela removeu as pedras, depois, com a roçadeira a bateria SA 56, aparou o gramado em apenas poucos segundos. (Superdica: lembre-se de guardar a grama para usar como palha protetora em seus vasos!) Em seguida, Carol escavou o solo para acondicionar as plantas grandes. Com a perfuradora de solo BT 131 (apelidada de Beto pela louca das plantas), o chão compactado foi facilmente transformado em terra fofa e, usando uma pá, nossa jardineira completou a tarefa.

Como usar farinha de osso nas plantas


Achou que o jardim teria apenas suculentas? Que nada... O ambiente ganhou um projeto paisagístico completo, com volumetria, cores e muitas espécies de verdinhas. Ao solo, foi adicionado um pouco de farinha de osso, fertilizante orgânico rico em cálcio, elemento importante para plantas de sol. Com a terra pronta, foi a hora de colocar as espécie de acordo com o tamanho: primeiro, o capim-rubro-do-texas (Pennisetum setaceum "Rubrum") com seus penachos, que logo formará uma touceira e gosta de sol e vento; em seguida, veio a acalifa (Acalypha wilkesiana), com suas folhas também roxas. Para preencher os espaços, entrou o fórmio-roxo (Phormium tenax "Rubrum"). Nem só de verde vive um jardim (alô, roxo, purpúreo, violáceo...).

Dicas para ajudar seu projeto paisagístico



Anote aí mais duas dicas profissionais. Antes de completar o buraco com substrato, Carol Costa posicionou o vaso que iria receber as suculentas, para verificar se as plantas ficariam no local correto. Com este ensaio, deu para fazer ajustes sem ter retrabalho. A segunda dica ninja foi observar as plantas ao manuseá-las: de cara, nossa jardineira encontrou uma touceira com as chatas das cochonilhas – e como essas pragas não foram convidadas, logo foram expulsas do jardim novo.

Lista de espécies de suculentas para seu arranjo


Por fim, chegou a vez das suculentas. Um grande e lindo cachepô de madeira foi preparado para recebê-las. Como era uma estrutura bem alta, para evitar o desperdício de substrato – já que as "gordinhas" têm raízes pequenas –, nossa louca piracicabana encheu o fundo do cachepô com uma camada generosa de argila expandida. Para impedir que terra escorresse pela argila expandida, foi preciso uma manta de drenagem para separar os materiais – mas não se esqueça: também vale improvisar com um pedaço de carpete velho, um tecido de fibras naturais ou até mesmo folhas de jornal. Depois, o cachepô foi preenchido com suculentas variadas: barba-de-moisés (Soleirolia soleirolii), rosa-de-pedra (Echeveria elegans), colher-de-cobre (Kalanchoe orgyalis), rabo-de-macaco (Hildewintera colademononis) e Echeveria "Topsy Turve". Para completar, no entorno, foram plantados clorofito (Chlorophytum comosum) e grama-negra (Ophiopogon planiscapus "Nigrescens"). Daí, foi só colocar o arranjo lindão no tronco preparado pela nossa escultura, opa, jardineira Carol Costa!

Links e parceiros:
STIHL Ferramentas
Jardim das Ideias
CAS
Floricultura Winge
Swalmen Plantas Ornamentais
van Kampen
Flora Yamamura
Veiling Holambra