Orquídea-grapete de várias cores

Aproveita e já se inscreva na "Semana da Orquídea", um curso gratuito entre 09 e 14 de dezembro (clique)

Orquídea com flores duráveis e perfumadas, que se dão bem em locais com sol, e ainda, podem ser plantadas na terra. E não é que existe uma espécie com tudo isso? Nossa jardineira Carol Costa conta mais sobre a orquídea-grapete.

Como reconhecer a orquídea-grapete


Tem dica pra reconhecer essa planta, além do característico perfume de uva que dá origem ao seu nome: orquídea-grapete (Spathoglottis unguiculata) – quem é um pouco mais vivido deve se recordar do refrigerante que levava esse nome (oi, mãe!) e, pra quem é mais novinho, lembrará do cheirinho bom da Fanta uva. Mas, algumas grapetes, não possuem perfume, olha só que interessante! Então, bora pegar mais dicas pra identificar a planta.

Floras longas e estilosas


As folhas plissadas da orquídea-grapete lembram as de outras plantas, como a do curculigo (Curculigo capitulata) mas, basta ter uma flor na verdinha que qualquer dúvida vai embora. Só não fique imaginando que todas orquídeas deste gênero possuem flores roxas: a Spathoglottis kimballiana, irmã da grapete, tem florada amarelinha. Essa versão da planta é cultivada pela Magna Flora, o maior produtor de orquídea-grapete do Brasil, onde nossa louca das plantas gravou este vídeo.

Familia da orquídea-grapete


Tem a orquídea-pinkete (Spathoglottis hybrid), outra irmãzinha da grapete, com flores... pink! A família continua com orquídea-sorbet (Spathoglottis hybrid), com uma mistura de laranja com lilás e um porte bem maior. A haste da sorbet é mais grossa e as flores maiores, só que sem cheiro.

Flores por muito tempo


Uma das características da orquídea-grapete é a floração sequencial, ou seja, surgem na mesma haste florzinhas o tempo todo. Enquanto uma está secando, outra já começa a desabrochar e novos botões estão surgindo, fazendo com que esse gênero tenha floração por um bom tempo, até meses.

Orquídea-grapete é terreste e aguenta sol


Além dessa abundância de flores, a Spathoglottis é terrestre. Você pode explorar esta particularidade da planta e criar canteiros inteiros de grapetes. Imagina que efeito lindo, um jardim todinho de Spathoglottis roxas, amarelas, pinks... Outro detalhe é que essa é uma planta que suporta muito bem o sol, desde que não seja aqueles raios bem fortes. Dica ninja: é preciso rustificar a planta antes de colocá-la no sol forte. As orquídeas-grapete são cultivadas em estufas como da Magna Flora, onde são protegidas por uma cobertura que permite a entrada de parte dos raios solares. Vá colocando sua orquídea-grapete aos pouquinhos no sol e, em algumas semanas, tá tudo certo com a garota.

Como plantar a orquídea-grapete


Como nossa jardineira professora é especializada em jardinagem telepática, aqui tem respostas pra uma dúvida que poderá surgir na mente de quem lê esse texto: "Em que tipo de vaso plantar a orquídea-grapete?" Qualquer vaso, desde que tenha furo! Nada de acumular água no substrato – que é bom lembrar, deve ser tipo "terrinha" mesmo, não cascas de pínus, já que a grapete é uma orquídea terrestre.

Gostou da orquídea-grapete e suas irmãs? Procure na sua floricultura ou garden center preferido e, se não encontrar, bata um papo com o vendedor ou o gerente e peça pra ele encomendar a planta. A Magna Flora comercializa as orquídeas deste vídeo com exclusividade através do Veiling Holambra.

Semana da Orquídea


Quer aprender a cuidar das suas orquídeas? Não perde a chance de se inscrever na
"SEMANA DA ORQUÍDEA", curso gratuito que acontecerá entre 09 e 14 de dezembro (cliqua aqui).

Agradecimentos:
Magna Flora

Minhas Plantas recomenda