Truque pra quem tem pets e plantas

Clique aqui e inscreva-se no Casa Cheia de Verde

Spoiler de fofura: este vídeo contém filhotes! Quem é pai e mãe de pets e plantas, vai adorar as dicas deste vídeo. Nossa jardineira Carol Costa conversou com o Alexandre Rossi, o Dr. Pet, e aprendeu vários truques pra manter seguros e saudáveis aqueles serezinhos tão queridos, seja de folhas, seja de pelos. A partir de agora, cães, gatos, plantas e humanos irão conviver felizes no mesmo espaço!

Ervas pra mastigar


Gatos e cachorros adoram experimentar e conhecer as coisas com a boca, e isso inclui plantas recém compradas. Como explicar pros nossos peludinhos que aquela folhagem incrível não é pra ser mordiscada? Aqui vai a primeira dica do Alexandre: será mais fácil ensinar um "não" se você também tiver um "sim" de exemplo. Pra evitar que felinos e doguinhos mordam as plantas ornamentais, tenha um vaso sempre por perto, cheio de plantas cultivadas pra serem mastigadas e comidas – este será o seu "sim"! No vídeo, um vaso com matinhos, daqueles encontrados em qualquer jardim e que chamamos de ervas invasoras, foi cultivado especialmente pra que os pets tenham acesso sempre que quiserem morder algo verde. A melhor parte, é que os animais dão preferência pros matinhos, se podem escolher entre sua planta de coleção ou alguma graminha!

Comportamento natural


Morder e brincar com as plantas é algo natural, típico do comportamento do bichinho. Além de acalmar, é algo recreativo pra eles e também, super importante pro funcionamento do trato digestivo deles. Cães e gatos sabem quando precisam comer algum matinho, mas é muito mais comum a ingestão dessas fibras pra auxiliar na eliminação de pelos. A digestão funciona melhor e as bolas de pelo sairão pelo caminho natural, ao invés do gato ou cão ter que vomitá-las.

Deixe o bichinho aprovar a planta


Gatos adoram demarcar seu território e, olha que interessante, de duas formas diferentes: uma como uma aceitação amistosa e outra que funciona como um aviso de "esse local é meu". A aceitação é feita através daquela esfregada do rosto do felino em algo que ele goste – quem já teve a perna ou notou um brinquedo preferido sendo agraciado com as bochechas peludas do gato, sabe que ele tá feliz e bem à vontade. Se, algo aparece com um odor diferente e ele cisma que aquilo como sinal de invasão, o gato pode se virar e, com uma chacoalhada rápida e a cauda em pé, fazer um pouco de xixi no objeto (ou planta). Tá tudo bem... logo mais, ele entenderá que o recado foi dado e, a planta passa a ser parte do seu universo particular.

Mais sobre pets e plantas


Quer aprender mais sobre bichos e plantas? Não deixe de se inscrever no Casa Cheia de Verde, um evento gratuito de jardinagem e paisagismo que começa no dia 22 de setembro. A inscrição é importante pra você receber, através do seu Whatsapp e e-mail, avisos, conteúdos extras, links de descontos e muito mais. Ah, todos os dias, Carol Costa mostrará um ambiente da casa e receberá um convidado – Alexandre Rossi é um deles! Link pra inscrição, aqui (clique).

Agradecimentos:
Alexandre Rossi
filhotes, do Pet Shop Encrenquinhas

Figurino:
Carol usa blusa Simultanea e calça Flávia Aranha

Casa Cheia de Verde – parceiros:


Forth Jardim
Leroy Merlin
Shopping Garden
Veiling Holambra
Vasart
Yes, We Grow!

Loja Minhas Plantas

Inscreva-se no Casa Cheia de Verde - clique aqui.

Minhas Plantas recomenda