página inicial / blogs / Carol Costa

A mensagem das pragas

© Carol Costa/Minhas Plantas

A mensagem das pragas


O que pulgões, formigas e cochonilhas podem dizer sobre a maneira como lidamos com nossa alimentação e o cuidado com as plantas

Por Carol Costa

Como exterminar lagartas? É possível erradicar pulgões? Tem alguma receita caseira matadora para cochonilhas? Toda semana me deparo com esses apelos de gente desesperada em ver a planta tão querida, cuidada que nem filho, amanhecer repleta de folhas mordidas, manchadas ou furadas. É fácil entender como surge essa gana assassina. Dá uma raiva danada saber que a lesma ou o caracol se banquetearam no morango que você estava esperando amadurecer ou que os nematoides detonaram as cenouras que você foi colher com as crianças.

Há uma curiosa contradição nesse desejo inseticida. A mesma pessoa que quer executar lagartas a sangue frio costuma ser aquela que se encanta com as borboletas sobrevoando as flores do jardim. Ué, mas é o mesmíssimo bicho, certo? A lagarta é o bebê da borboleta. Desejar o inseto adulto e rejeitar a fase larval é como tira sarro da menina tímida e franzina da infância e descobrir, anos mais tarde, que ela virou uma mulher linda e inteligente.

Orgânicos versus produtos de limpeza


Repara só como estamos cada vez mais orgânicos e, no entanto, mais germicidas. Dá uma olhada na sua última compra no supermercado: quanto você gastou em frutas, verduras e legumes e quanto desembolsou em produtos de limpeza. Epa, tem alguma coisa errada aí, não tem? E, olha, não tô te acusando, não, que a minha compra de mês foi exatamente assim por muitos a muitos anos.

Quando uma família gasta mais com detergente, alvejante, água sanitária, limpa-fogão, cera para pisos frios, limpa-vidro e coisas com ação "microbiana" em geral do que com alimentos frescos e saudáveis, soa o alerta vermelho. Como vamos nos reconectar com a natureza tendo uma postura tão higienista?

É claro que não estou defendendo que a gente vá dormir sem tomar banho ou coma com as mãos sujas. Todo mundo quer ser limpinho, mas a jardinagem é o anti-limpismo, entende? É justamente o "sujar" gostoso, saudável, aquele que renova nossa conexão com a terra, incluindo aí seus fungos, bactérias, minhocas e insetos. Quanto mais adotamos uma postura repelente de insetos, mais ela repele a vida natural. Justamente aquela que buscamos ao ter uma horta em casa, ao levar as crianças para andar no parque ou ir tomar um sol na praia. São dois lados da mesma moeda.

Horta sem agrotóxicos


Tem outra coisa que me deixa intrigada. Com o aumento das informações sobre o cultivo dos alimentos e da fiscalização no uso de agrotóxicos, a gente sempre fica horrorizado ao saber da quantidade de produtos colocados nos alimentos. Volta e meia sai uma lista de recordistas em resíduos químicos, quase sempre encabeçada por tomate, morango, pimentão e outras figurinhas que, agora, plantamos em casa.

Acredite se quiser, o produtor rural não quer colocar veneno na sua mesa. O que leva a cada vez mais agrotóxicos nos alimentos é um manejo totalmente anti natural, que limpa o campo de cobertura vegetal, cultiva uma única espécie em longos hectares de área, retira os predadores naturais das pragas e acaba com a diversidade de espécies. Colocar fungicida, bactericida, inseticida, acaricida e outros "cidas" no campo custa dinheiro, tempo e mão de obra — se o produtor pudesse escolher, ele não colocaria nada. Só que para isso acontecer é preciso uma grande mudança no modo de ver a produção. Um voltar ao jeito natural. Esse passo atrás vai permitir muitos passos à frente na produção de alimentos, seja na agroindústria ou no seu vasinho de hortelã na varanda.

Entenda o recado das pragas nas suas plantas


Quando a gente entender que esse mundo é de todos, que não somos a única espécie faminta e com direito a um lugar ao sol, que mesmo o menor dos bichinhos tem seu direito à vida, só assim mudaremos o jeito de lidar com as pragas. Entenderemos que elas surgem como avisos de que algo está errado na nutrição da planta. A cochonilha aparece quando falta cálcio na adubação. O pulgão surge pelo uso extensivo de adubos nitrogenados. Formigas são indicadores de solo compactado e de falta de molibdênio. A lagarta que morde a folha estimula também a produção de hormônios de crescimento e mesmo uma terra com nematoides pode ser altamente produtiva, segundo já demonstrou tantas vezes a agrônoma Ana Maria Primavesi, uma das pioneiras nessa forma de olhar as plantas.

O que fazer com as pragas, então? Captar a mensagem de desequilíbrio que elas nos estão passando e corrigir a raiz do problema. Com calma. Como quem semeia um novo amanhã.

Publicado na Revista Natureza – 356
postado em 17/09/2018 - Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

50 Dias de Verde - a quarta semana

Este é o resumo da quarta semana da série Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde, onde nossa jardineira escritora e apresentadora e seus amigos verdinhos transformam o quintal de uma casa em Holambra num jardim de sonhos. Criada pela STIHL Ferramentas em parceria com o Jardim das Ideias, a ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

50 Dias de Verde - a terceira semana

Este é o resumo da terceira semana da série Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde, onde nossa jardineira escritora e apresentadora e seus amigos verdinhos transformam o quintal de uma casa em Holambra num jardim de sonhos. Criada pela STIHL Ferramentas em parceria com o Jardim das Ideias, a ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

50 Dias de Verde - a segunda semana

Este é o resumo da segunda semana da série Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde, onde nossa jardineira escritora e apresentadora e seus amigos verdinhos transformam o quintal de uma casa em Holambra num jardim de sonhos. Criada pela STIHL Ferramentas em parceria com o Jardim das Ideias, a ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

50 Dias de Verde - a primeira semana

Carol Costa vai mostrar que é possível transformar um quintal num jardim de sonhos em apenas 50 dias. É a série projeto 50 Dias de Verde, onde nossa jardineira escritora e apresentadora vai reunir seus amigos verdinhos numa casa em Holambra, a capital brasileira das flores. Criada pela STIHL Ferramentas ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Plantas pendentes no programa É De Casa

Nossa jardineira Carol Costa esteve no dia 14 de abril de 2018 no programa "É De Casa", da TV Globo e conversou com a apresentadora Patrícia Poeta. O tema foi plantas pendentes, uma ótima pedida para quem tem pouco espaço ou quer dar um colorido especial para uma parede. Tem ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Carol Costa no programa É de Casa da Rede Globo

Nossa jardineira Carol Costa é especialista em terrários, e dá aulas para quem quer aprender a construir estes mini-jardins. São pessoas com espírito de jardineiro, mas que possuem um problema comum em cidades: falta de espaço e tempo. Para isso, nada melhor do que um terrário: traz as plantas para ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Sua chance de comprar o livro "Minhas Plantas" com desconto

Nossa jardineira Carol Costa é multi-uso: apresentadora de programa de rádio, de tv, youtuber, blogueira, professa, e claro, escritora. O livro "Minhas Plantas - Jardinagem Para Todos (Até Quem Mata Cactos)" já é um sucesso de vendas, ensinando de um jeito simples tudo o que você precisa para se tornar o ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Dendrochilum filiforme, cores e tintas

Nossa jardineira Carol Costa começou o ano cheia de novos planos e colocando a mão na massa. Já nos primeiros dias de 2018 lançou o projeto 1 Verde Por Dia no Instagram (clique para conferir - @1verdepordia), e ainda atacou de decoradora. No melhor estilo DIY, ela resolveu dar uma cara ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Maranta leuconeura var. erythroneura - 1 Verde Por Dia

Verdinho querido, feliz Ano Novo pra gente! Hoje, começo um projeto que venho sonhando desde 2014, o 1 Verde Por Dia (no Instagram @1verdepordia). A ideia é oferecer informações básicas pra ajudar você a encontrar a verdinha ideal pro seu jardim, vasinho ou canteiro. Cada foto vem com uma paleta ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Feliz dia do Jardineiro

Parabéns pra você, pessoinha cheia de dúvidas e inseguranças, mas que enfia as mãos na terra com uma coragem que nem sabe de onde vem. Um viva procê que deixa o manjericão dar flor pras abelhas, pra você que salva joaninhas da chuva e alimenta minhocas como se fossem pets ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Arranjo com rosa-de-pedra e cacto-coração

Sedum, senécio, rosa-de-pedra, barba-de-moisés e cacto-coração dividem espaço amigavelmente neste arranjinho de suculentas feito num vidro quadrado da T.S. Brasil. Esse tipo de arranjo agrupa aquelas pessoinhas que não necessariamente cresceriam juntas na natureza, mas que, aqui, funcionam lindamente como bests. É que a barba-de-moisés que faz esse cabelinho ... (+)
Leia mais
© Brunna Mancuso

Livro 365 Dias Para Plantar, de Carol Costa

O que falta para você começar um cantinho verde em casa? Qual empurrãozinho precisa pra se animar e plantar hoje mesmo aquela hortinha na cozinha? Que plantas você tentou ter e não foram pra frente? Essas são algumas das perguntas que usei como ponto de partida pra escrever o "365 ... (+)
Leia mais
mostrar mais