página inicial / blogs / Edvin Markstein Zimmermann

50 Dias de Verde - a quinta semana

© Carol Costa/Minhas Plantas
Este é o resumo da quinta semana da série Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde, onde nossa jardineira escritora e apresentadora e seus amigos verdinhos transformam o quintal de uma casa em Holambra num jardim de sonhos. Criada pela STIHL Ferramentas em parceria com o Jardim das Ideias, a série 50 Dias de Verde começou no dia 23 de Abril e durante 50 dias terá um episódio novo. Aos domingos, Carol Costa faz uma Live no Facebook e no YouTube. Se ainda não conhece, aproveite para se inscrever no canal e receber o aviso de novos vídeos, e se quiser ver os episódios anteriores, é só clicar aqui. Carol Costa conta no Instagram do Minhas Plantas como foi a quinta semana.


Dia 29


Muita gente tem escrito que perdeu as Lives ou que nunca consegue participar delas ao vivo. As Lives do Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde acontecem aos domingos, das 18h às 19h, no Facebook da STIHL Brasil Oficial, a conta da @stihloficial no Face. Fico uma hora ao vivo conversando sobre as principais dúvidas que apareceram nos projetos da semana durante a trabaformação do quintal em Holambra, sede da nossa novelinha verde. Falamos sobre erros e acertos, papeamos a respeito de ferramentas, cursos, livros, um pouquinho desse mundo da jardinagem e do paisagismo. Depois de uma hora, quando a transmissão ao vivo acaba, a Live vira um vídeo que vai ao ar no YouTube do @jardimdasideiasstihl e no meu canal, o Minhas Plantas. Depois que a Live virou vídeo, não tem interação ao vivo, mas eu dou umas passadas regulares pra ver se tem alguma coisa urgente nos comentários. Não estou conseguindo responder rápido porque chega uma avalanche de mensagens todos os dias, mas tenho tirado longas horas pra ir colocando as respostas em dia. Faltam 3 Lives pra série acabar, então, já sabe: é domingo, às 18h, no Facebook da Stihl Brasil Oficial. ;)

Dia 30


As folhas se juntam em escamas, num desenho espiralado que vai se abrindo em roseta. Por fora, longas tiras beges margeadas por uma borda larga, verde escura, repleta de serrilhas. No centro, folhas curtas, que pouco a pouco abandonam o verde e o bege para se tornarem puro vermelho vivo. A neoregélia é quase uma pintura viva, uma planta que finge ser flor. No meio da roseta, um copo delicado fica cheio de água, mas eu ali só tenho olhos pras minúsculas flores lilases. Parece um ninho, com passarinhos abrindo o bico pedindo comida. De tempos em tempo, se eleva um novo "passarinho": emerge bem firme, ultrapassa os botões adormecidos e abre suas petalinhas como asas mínimas. Fica aberta por poucos dias essa flor-pássaro da neoregélia, mas o suficiente pra que rãs, pererecas, lagartinhos, pássaros de verdade e muitos outros animais se acheguem e polinizem a bromélia ao ir até seu cálice tomar água. É um ecossistema inteirinho pulsante o que se vê ali, cheio de vida e de predadores e presas. E eu pensando que era só uma planta se fingindo de flor... Essa lindeza é uma das estrelas do episódio Pelo ar e prla água, que já está no Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde, a série feita em parceria com o @jardimdasideiasstihl e a @stihloficial. Esse é o primeiro terço em que mostramos como fazer um painel vertical completo, aqui usando as grades compradas na @leroymerlinbrasil e as bromélias espetaculares da Vivarium Orquídeas e Bromélias. Vai lá ver que amor a base adaptada que a Flávia Nunes (@flavianunes_paisagista) usou para prender as plantas! Tem ainda o macacão lindo, geométrico, da @casmoda, que é a coisa mais soltinha e gostosa do mundo. E tem ainda @deverdecasa, @viveirooiti, Prefeitura de Holambra, @redecobasi, @spagnholplantas e @bradigital, todos de braços dados pra enchermos esse mundo de verdinhas. :)

Dia 31


O que a pessoinha faz quando não cabe mais planta na casa? Bota verde nas paredes. Os painéis verticais vêm ganhando os corações no mundo todo ao propor uma solução engenhosa pra quem ama plantas e tem pouco espaço. Podem ser feitos com muuuuuuitas espécies, desde que todas curtam as mesmas condições de umidade e luz. Fica melhor com plantas pendentes, que cobre os vasos e dão esse efeito de paredão verde, mas também é possível usar espécies eretas e intercalar com outras pendentes, como fizemos com as Phalaenopsis do @sitiokolibri, plantadas de duplinhas, pra um efeito mais impactante, em vasos da @fgimport. Se quiser fazer em casa, vale seguir alguns truques que detalhamos no episódio O painel tropical, da série Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde, feita em parceria com @stihloficial e @jardimdasideiasstihl, e com o apoio de @bradigital, Prefeitura de Holambra, @spagnholplantas, @redecobasi, @veilingholambra e @leroymerlinbrasil. As grades que usamos foram compradas na Leroy Merlin e vêm com 1m x 1,20m. Podem ser usadas tanto na vertical quanto na horizontal. Pro programa, usamos 6 módulos, parafusados bem juntinho um do outro, mas não direto na parede. Tem um caibro de uns 5 cm que os mantêm afastados do muro, permitindo o arejamento da estrutura, um detalhe importantíssimo que evita umidade na parede e problemas de infiltração. As samambaias e jiboias vieram de @giardinodicosi, produtor de Holambra que trabalha com folhagens para painel vertical já plantadas em vasos de meia cuia, o que facilita muito pra quem vai montar o painel sozinho. Também usamos as bromélias da Vivarium Orquídeas e Bromélias, colocando os vasos com o truque da inclinação que mostramos no vídeo que está no meu canal no YouTube. E tem ainda as lindas heras, de @racosta.plantasornamentais, que escondem o acabamento das laterais com sua longa cabeleira. :)

Dia 32


Vivo há 21 anos em apartamento, na cidade de pedra que é São Paulo. Tive quintal na minha vida só por um curto período da adolescência — bem naquela época em que a gente não liga à minima pra nada que seja dos outros e está tão encimesmado com os dilemas de virar adulto. Quando morava com meus pais, nunca tentaram fazer composteira e mesmo reciclar lixo era algo muito incomum. Foi depois de virar marmanja e jardineira que aprendi a importância de transformar os restos de frutas e legumes em comida pras plantas e como isso ajuda a devolver fertilidade pro solo. Tudo na natureza funciona em ciclos fechados, tão certinho que a gente mal percebe que um processo acabou, porque o que morre aqui dá vida ali. A pele da batata, o talinho da alface, o saquinho de chá, a borra de café, a casca do ovo, tudo volta pra terra em forma de nitrogênio, fósforo, potássio, cálcio, magnésio, enxofre, boro, manganês, ferro, zinco e tantas outras letrinhas da tabela periódica. Além do tambor de biofertilizante, que pode ser feito em apartamento, queria testar a composteira da Juliana Valentini (@deverdecasa), que só serve pra local de terra no chão. A gente faz uma lasanha bem simples, alternando uma camada de resíduos orgânicos úmidos com duas de folhas secas, serragem, cavacos de madeira ou qualquer outro resíduo vegetal seco. Como a Ju diz no episódio Da cozinha para o jardim, da nossa novelinha Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde, essa é a "composteira majs sem frescura que existe". Não precisa de minhoca, nem de revirar, nem de caixas plásticas, é só fazer as camadas e deixar num local sombreado. Vai lá na nossa série verdinha, criada pela @stihloficial e pelo @jardimdasideiasstihl, e veja que moleza é montar essa estrutura. Não junta mosca, não dá cheiro ruim, não tem que revirar de tempos em tempos, nada. De três a seis meses, o adubo está pronto pra ir pro jardim! Compramos a tela de pintinho (menor do que a de galinheiro) na @leroymerlinbrasil, nossa parceira junto com @spagnholplantas, @veilingholambra, @redecobasi, @bradigital e Prefeitura de Holambra.

Dia 33


Quer ideias bem certeiras de plantas pro seu jardim? Anotaí três dicas espertas (incluindo uma que muito paisagista faz, mas nunca confessa). 1. Dê um rolê na vizinhança. Caminhar pelo bairro é uma forma simples de observar plantas vistosas nos quintais e fachadas dos vizinhos, um sinal de que aquelas espécies sejam aptas ao clima do lugar. Tire fotos das plantas que gostar e vá pra segunda dica. 2. Baixe o app Jardim Fácil, criado pelo mestre Harri Lorenzi (@harrilorenzi), e procure mais informações sobre a espécie que você fotografou. Fique de olho no tamanho que ela atinge quando adulta e em características como perda de folhas em alguma época do ano, raízes superficiais ou outros pontos que podem causar problemas futuros. 3. Arranje um final de semana pra conhecer o @jardimbotanicoplantarum, em Nova Odessa (SP), onde fica esse lindo lago da foto. Visitar parques e praças ajuda não só a relaxar como também a se inspirar. E foi justamente o que eu fiz, passo a passo, pra ter ideia de como criar um lago no Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde. Feita em parceria com o @jardimdasideiasstihl e a @stihloficial, a série tem o apoio de Prefeitura de Holambra, @spagnholplantas, @redecobasi, @leroymerlinbrasil, @veilingholambra e BRA Digital, e já caminha pras duas últimas semanas de exibição. O episódio 33, gravado em parte no Plantarum, traz um pouco do verde exuberante desse lugar absolutamente inspirador e mágico. Ok, nosso laguinho em Holambra é pequeno e não tem estátua de bronze, mas pode ficar lindo e relaxante. Será que a gente consegue chegar lá?

Dia 34


A jardinagem é um dos hobbies mais generosos que eu conheço. Qualquer pessoa, de qualquer idade, origem, classe social, orientação sexual, inclinação política ou crença religiosa pode plantar. Começa-se com um pouco de terra, água e umas sementes ou mudas que você pode ter pego na despensa ou ganho de um vizinho. Com tempo e dedicação, tudo funciona. E a jardinagem ainda tem essa característica mágica de agrupar gente do bem, entusiastas da natureza. Eu conheci a Ju, do @deverdecasa, quando estava começando o Minhas Plantas. A Ju me apresentou o Flop, do @viveirooiti, que me apresentou Holambra, que me apresentou o @veilingholambra, que me tornou amiga do @murilospagnhol, da @spagnholplantas, que, por fim, me socorreu no Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde. É que não dava mais pra regar tudo no esguicho e eu liguei pro Murilo meio em pânico: "Não conheço ninguém de irrigação na região, me ajuda?" E o Murilo seguiu sendo generoso como tantos são na jardinagem e me apresentou ao Bruno Sanchez Luz, da @bslirriga, o moço aí da foto que deixou lotadas de corações as caixas de comentários do Minhas Plantas, da @stihloficial e do @jardimdasideiasstihl. É uma aula de irrigação o episódio Água na Medida: eu, que não tenho quintal há mais de 20 anos, pude ver a colocação dos pivôs, os caninhos no jardim vertical repleto das Phalaenopsis do @sitiokolibri, o cuidado em molhar só o que precisa e poupar móveis, paredes e outras áreas secas. E como essa corrente do bem segue funcionando, o Bruno me apresentou ao pessoal da Qualibombas, que instalou as válvulas todas pra pressurizar a água da rua, um cuidado que você também deve ter caso queira fazer irrigação automatizada. Verdinhas devidamente irrigadas, jardineiro ou jardineira descansado. Boralá seguir com as outras transformações, que ainda tem muita coisa pra fazer naquele quintal, ah, se tem! Meu obrigada também à @leroymerlinbrasil, @redecobasi, @bradigital e Prefeitura de Holambra, que seguem ajudando nesses 50 Dias de Verde tão queridos.

Dia 35


A pessoinha aqui não é muito de se levar a sério, sabe? Daí, ela conhece um "sereio" que também manja dos paranauês do bom humor e, pá!, deu no que deu: fomos eu e o Rogério Bernardes (@jardinselagospaisagismo) brincar de praia na Cratera, episódio do Jardim das Ideias - 50 Dias de Verde. Ele explica tintim por tintim como cavar e fazer a base de um lago na série criada pela @stihloficial e o @jardimdasideiasstihl, com o apoio de Prefeitura de Holambra, @spagnholplantas, @veilingholambra, @redecobasi, @bradigital e @leroymerlinbrasil. Tem dica sobre profundidade, como botar a manta sem furar, tipo de areia, os filtros da @cuboslagos e muito mais. Ainda não tem água. Nem peixe. Mas é diversão garantida! Corre no YouTube ver. :)
postado em 11/06/2018 - Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Arranjo com rosa-de-pedra e cacto-coração

Sedum, senécio, rosa-de-pedra, barba-de-moisés e cacto-coração dividem espaço amigavelmente neste arranjinho de suculentas feito num vidro quadrado da T.S. Brasil. Esse tipo de arranjo agrupa aquelas pessoinhas que não necessariamente cresceriam juntas na natureza, mas que, aqui, funcionam lindamente como bests. É que a barba-de-moisés que faz esse cabelinho ... (+)
Leia mais
© Brunna Mancuso

Livro 365 Dias Para Plantar, de Carol Costa

O que falta para você começar um cantinho verde em casa? Qual empurrãozinho precisa pra se animar e plantar hoje mesmo aquela hortinha na cozinha? Que plantas você tentou ter e não foram pra frente? Essas são algumas das perguntas que usei como ponto de partida pra escrever o "365 ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

A vez das orquídeas terrestres

Orquídeas terrestres passaram anos como cidadãs de segunda classe, longe dos mimos destinados a >Cattleyas, Laelias e tantas outras epífitas "nobres". Pois se prepare para uma virada nessa situação. Com a escassez de água nos anos anteriores, e uma busca cada vez maior por jardins mais baratos e fáceis de ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

O be-a-bá das orquídeas para iniciantes

Entenda de uma vez o que significam alguns dos termos complicados mais encontrados nos livros de botânica e jardinagem O que é epífita Essa palavrinha em latim quase sempre é usada para designar orquídeas, mas elas não são as únicas "plantas que crescem em árvores", conforme a tradução livre do ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Como fazer boas fotos de suas plantas

Velocidade do obturador, abertura do diafragma, balanço de brancos, profundidade de campo focal... Entender esses termos difíceis pode tornar a vida de um colecionador de orquídeas bem complicada quando se deseja apenas guardar boas imagens das plantas. É por isso que a câmera do celular tem se transformado na ferramenta ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

7 momentos que revelam seu Lado Verde da Força

Carol Costa, a jardineira escritora que acaba de lançar mais um livro, "Minhas Plantas — Jardinagem Para Todos (Até Quem Mata Cactos)" (já tinha lançado o "Horta Em Vasos"), costuma escrever textos incríveis não só no site mas também nas redes sociais, como o Instagram (aproveite para seguí-la clicando aqui). Esta ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Como fazer sua orquídea florir

Quem tem em casa uma orquídea que se nega a florir se sente um pouco traído. Depois de dar água, casa, comida e roupa lavada, de seguir à risca as orientações do vendedor, buscar informações extras no QR Code do produtor, pesquisar em sites especializados e, ainda assim, ver os ... (+)
Leia mais
© Luciana Festi/GNT

7 truques para driblar a estiagem no orquidário

Manter as orquídeas bonitas e saudáveis tem sido um desafio em tempos de estiagem. O que poucos sabem é que aposentar o esguicho pode ser muito bom também para seu orquidário – afinal, existem muitas outras formas de manter as plantas úmidas sem desperdiçar nenhuma gota de água. Aqui vão algumas ... (+)
Leia mais
© Edna Fróes/Agapanthus Floricultura

Do primeiro milhão ao milhinho no quintal

"Emagreça até 9 kg por semana com a dieta do limão!" Já tinha perdido as contas de quantas reportagens sobre regimes malucos passaram pelas minhas mãos quando eu ainda tinha outra vida, a de jornalista. Entediada, olhei pela janela. Fazia uma manhã ensolarada lá fora. As grevíleas balançavam ao vento ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

Orquídeas, as rainhas da mentira

Cartola tinha razão quando cantava que "as rosas não falam" – só que o compositor carioca esqueceu de dizer que elas não se contentam em simplesmente exalar "o perfume que roubam de ti". Toda flor nasceu para mentir e ludibriar. Orquídeas, então, nem se fala, são as rainhas da enganação. Para ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

A história da produção de baunilha

"– Uns quinze anos atrás, meu pai foi convencido por um francês a investir numa plantação de baunilha no Taiti, mas a plantação não deu certo. – O clima é perfeito e as trepadeiras cresciam, chegavam a dois metros de altura. Davam flores do tamanho de um punho, que vicejaram e morreram ... (+)
Leia mais
© Carol Costa/Minhas Plantas

5 passos para levar a coleção a sério

Todo colecionador de orquídeas começou do mesmo jeito: ganhou um vaso aqui, comprou outro acolá, adotou uma planta quase morta que viu abandonada na rua e, depois de algum tempo, já tinha a casa cheia de verde. E aqui começa a bifurcação no caminho de quem vai seguir como um ... (+)
Leia mais
mostrar mais