página inicial / guia de plantas / cactos
cacto-estrela
  • Nome popular cacto-estrela
  • Outros nomes estapélia, flor-estrela
  • Categoria cactos
  • Ordem Gentianales
  • Família Apocynaceae
  • Subfamília Asclepiadoideae
  • Tribo
  • Subtribo
  • Gênero Stapelia
  • Espécie Stapelia hirsuta
  • Origem África do Sul
  • Tamanho de 15 a 20 cm
  • Propagação por divisão de touceira e por muda
  • Iluminação
    meia sombra
    sol pleno
  • Rega média água
  • Plantio
    o ano todo
  • Perfumada sim
  • Floração
    outono
    verão
  • Frutos não comestíveis
Uma mosca varejeira pode não ser dos insetos mais adoráveis — bem, os insetos raramente o são —, mas certamente não merecia ser tão enganada assim. Em busca de um pedaço de carne em decomposição aonde possa depositar seus preciosos ovos, a varejeira é atraída por um embriagante odor de carniça, um perfume para qualquer mosca que se preze. Ao se aproximar da fonte do cheiro, ela pousa em uma superfície vermelha, macia e com pelos, onde deposita sua prole crente de que a filharada terá alimento suficiente quando as larvas saírem dos ovos. Esfrega as patas da frente alegremente e sai voando. Lá vai mais uma mosca feita de barata tonta pelo cacto-estrela.

Cacto-estrela é fedorento e parente das suculentas


Mais próxima das suculentas do que dos cactos, essa espécie tem um bom motivo para sacanear as varejeiras: são elas seus agentes polinizadores, aqueles que levarão o pólen de uma flor até o ovário de outra, possibilitando a reprodução da planta. Para nossa sorte, seu cheiro repugnante não costuma ser um problema para seres humanos se o vaso for mantido em local arejado — portanto, nada de cultivá-la dentro de casa.

Ao contrário das primas suculentas, o cacto-estrela gosta de terra úmida e pode ser plantado diretamente no chão, fazendo bonitas touceiras de até 20 cm, que se espalham rapidamente. O solo deve ser preparado com uma parte de areia, uma de terra vegetal e uma de composto orgânico e regado periodicamente, sem encharcar.

Como obter brotos ou mudas de um cacto-estrela


Se quiser tirar uma muda, corte um segmento do caule com um estilete limpo e deixe a estaca secar por dois dias, para cicatrizar o ferimento. Quando a área de corte estiver seca, plante a muda em terra e composto orgânico misturados e mantenha o substrato molhado. Em poucos dias surgirão as raízes e logo a muda soltará brotos. Quando surgirem os primeiros botões, aproveite para vê-los de pertinho: além de não cheirarem mal, eles parecem feitos de tecido!

Veja nossa galeria com dicas para ter uma coleção de suculentas e cactos.

Clique para saber mais sobre cacto-estrela nas seguintes seções do site:
Dúvidas frequentes sobre cacto-estrela
Vídeos sobre cacto-estrela
Galerias de imagens com cacto-estrela
Posts no blog sobre cacto-estrela
Áudios sobre cacto-estrela
Eventos sobre cacto-estrela
Culinária com cacto-estrela

CONTEÚDO PUBLICITÁRIO:

A Flores Online tem muitas dicas de presentes com cactos. Dê uma olhada nos arranjos que você consegue enviar hoje mesmo para quem ama e admira. ;)