página inicial / culinária / sopas
© Carol Costa/Minhas Plantas

Creme de cogumelos

Carol Costa
Você não vai acreditar, mas é a pura verdade: foi nos Lençóis Maranhenses que eu aprendi a comer cogumelos. Pois é, justo numa região célebre pelos pratos com caranguejos, lagostas e frutos do mar, justo debaixo de um calor de 40ºC onde cogumelo nenhum cresceria sozinho, justo numa pousada distante de grandes centros comerciais eu fui me apaixonar por shiitake.

Isso foi há dez anos e, de lá para cá, meu carinho pelos cogumelos ganhou um reforço quando conheci um kit para cultivá-los em casa que me fez voltar à infância: em poucos dias, eles brotam de uma caixinha de papelão e dobram de tamanho muito depressa. Na primeira vez, colhi 214 gramas de shimeji branco, tão fresco que a cozinha ficou cheirando bosque depois da chuva. Se você continua borrifando, mais e mais cogumelos brotam ao longos das semanas – minha caixinha já produziu mais de 1 quilo e só agora dá sinais de que o substrato esgotou os nutrientes.

Foi com esses cogumelos fresquíssimos que preparei esse creme encorpado, um clássico da culinária francesa. Você pode usar os cogumelos que tiver à mão – paris, shimeji, shiitake, portobelo –, o que torna a receita muito versátil. Ah, e se quiser conhecer o kit para cultivo em casa da Mush Garden, aqui tem tudo sobre o produto que é festa para jardineiros gourmets.

Ingredientes

- 500 g de cogumelos frescos (de uma mesma espécie ou misturados, como preferir)
- 500 ml de caldo de legumes
- 100 g de manteiga sem sal gelada
- 1 maço de salsinha
- 1 maço de cebolinha
- 300 g de nata
- sal e pimenta-do-reino em grãos a gosto
Preparo: 30 minutos
Rendimento: 6 porções
Dificuldade: fácil

Modo de Preparo

1. Limpe bem os cogumelos com uma escovinha ou papel toalha, nunca em água (eles retém muito líquido e deixam a sopa aguada). Corte em fatias finas e reserve.
2. Em uma panela, ponha o caldo de legumes para esquentar e mantenha-o quente até usar. Reserve.
3. Em outra panela, em fogo baixo, derreta metade da manteiga e adicione os cogumelos, refogando-os o mais rápido que puder, coisa de um ou dois minutos. Deixe o restante da manteiga na geladeira.
4. Bata a salsinha e a cebolinha no processador para ficar bem miúda. Não se preocupe em limpar o aparelho, você vai usá-lo para finalizar o creme.
5. Acrescente as ervas picadas ao refogado e mexa para misturar.
6. Incorpore a nata e o caldo de legumes quente em adições alternadas, mexendo bem. Cozinhe por 15 minutos, sempre em fogo baixo.
7. Bata o creme no processador (aquele que estava "sujo" de salsinha e cebolinha, lembra?). Nesse momento, a textura é mais de sopa do que de creme.
8. Volte o creme para a panela e adicione cubinhos dos 50 g de manteiga que estavam na geladeira. Mexa vigorosamente para dar brilho.
9. Tempere com sal e pimenta-do-reino moída na hora, a gosto. Sirva bem quente.